Vereador de Tupã é agredido após sair da sessão da Câmara

O suposto agressor teria sido mencionado pelo vereador na tribuna como sendo 'pau mandado'

O vereador Luis Alves de Souza (PC do B) foi violentamente agredido na noite de segunda-feira (6),  logo após o término da sessão ordinária do Legislativo.

Quando saia para o estacionamento do prédio da Câmara para pegar o seu veículo foi seguido por um homem que agrediu o vereador com um soco no rosto. Sangrando muito, o parlamentar teria se refugiado na sala do presidente Valter Moreno Panhossi (DEM). A Polícia Militar foi acionada e duas viaturas foram para a porta do Legislativo tupãense para dar segurança ao vereador.

Segundo as informações de testemunhas, o agressor teria sido mencionado pelo vereador durante sua fala na tribuna como sendo um “pau mandado” e supostamente “patrocinado” pelo vereador Antonio Alves de Sousa (PP) durante suas campanhas eleitorais. Não há informações se o autor da agressão foi localizado pela Polícia.