Tomadas por buracos, população volta a reclamar da situação das ruas de Adamantina

As reclamações de motoristas e pedestres são diárias e se dividem em praticamente todos os pontos da cidade, especialmente em regiões mais afastados do centro

Buracos e crateras se multiplicam pela cidade e, também, nas redes sociais, onde a população expõe sua indignação (Foto: Reprodução | Facebook)

Os buracos, crateras e valetas tomam conta das ruas de Adamantina. Impossível transitar pelos bairros sem passar por dezenas deles. As reclamações de motoristas e pedestres são diárias e se dividem em praticamente todos os pontos da cidade, especialmente em regiões mais afastados do centro.

Maria Isabel Castilho questiona: “Será que alguém pode tomar alguma providência?”. Já Carlinhos Cruz comenta: “Vergonha de ser adamantinense, como podem deixa nossa cidade chegar ao caos?”. Karina Silva disse: “Adamantina é a terra do abandono. A cidade inteira está uma vergonha pela quantidade de buracos que só aumentam. E por onde anda esses vereadores que buscaram votos cheios de promessas? Por isso que não acredito nessa vergonha que está cidade ficou”.

As ruas Mário Olivero, Santa Cecília e Fernando Costa são algumas das vias que a população reclamou na última semana pelas redes sociais. Mas, independente da exposição da indignação, eles estão lá, para lembrar diariamente que mesmo com o período de estiagem, o recapeamento e operação tapa-buracos estão deixando a desejar.

Outro lado

Procurada pelo IMPACTO, a Prefeitura de Adamantina informou que continua realizando operação tapa-buracos, sendo os próximos bairros beneficiados o Parque do Sol, Vila Cicma, Jardim Adamantina e Jardim Ipiranga.

A Administração Municipal disse ainda que foram aprovados R$ 450 mil de emendas em infraestrutura para o município em ruas a serem definidas. Os projetos estão em análise. Mas, que não “há um levantamento específico sobre quantidade, valores e tempo para solução” dos buracos em vias.

“A Prefeitura está tentando formalizar convênios e amenizar o problema o mais breve possível. Também devem ser retomadas as obras de infraestrutura dos convênios que estão em vigor”, completa, a nota.

Seus direitos

A não conservação de via pública em razão da omissão ou descaso do poder público gera muitos transtornos e pode até provocar prejuízos materiais e causar ferimentos. Em alguns casos, quem sofrer acidente nas vias urbanas por causa de um buraco tem direito a ser ressarcido ou indenizado pelo responsável. Por isso a vítima pode recorrer à Justiça. No caso do ajuizamento de um processo, são necessários alguns procedimentos:

:: Registrar boletim de ocorrência;
:: Reunir provas: fotos do buraco, do acidente e do veículo;
:: Conseguir testemunhas;
:: Realizar no mínimo três orçamentos do conserto do veículo;
:: Juntar recibos com gastos relativos à medicamento e atendimento médico (se for o caso).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here