Santa Casa retomou a realização de cirurgias eletivas nesta semana (Foto: Vitor Rodrigues | Grupo IMPACTO)

A Santa Casa de Adamantina retomou nesta semana a realização de cirurgias eletivas, que são aqueles procedimentos cirúrgicos que não requer urgência e pode ser postergado sem causar dano ou risco para o paciente.

O administrador do hospital, Frei Mateus, pontuou que a retomada das cirurgias eletivas faz parte do trabalho de melhorias no atendimento à população e diminuição das filas de espera. “É de suma importância para a comunidade, pois esta fila se encontrava parada há algum tempo e a população na expectativa e na espera de ter sua necessidade sanada”.

Foram iniciadas cirurgias gerais, como herniorrafias e colicistectomia, e cirurgias de otorrino, como amigdalectomias. “É importante lembrar que a fila cirúrgica não se encontra com a Santa Casa, permanece como de costume: a Secretaria Municipal de Saúde realiza triagem dos pacientes e os encaminham para nossos serviços”, explica o religioso.

A estimativa que seja realizada 20 procedimentos, ao mês, totalmente custeados pelo SUS (Sistema Único de Saúde). “Vale ressaltar que a atual gestão tem o desejo de ofertar a população as melhores condições de saúde, e esse foi só um dos primeiros passos que desejamos dar. Destacamos ainda a importância do nosso corpo clínico de cirurgiões e da equipe do centro cirúrgico, que abraçaram a ideia e não mediram esforços para tornar esse projeto uma realidade”, finaliza Frei Mateus.