Poder Judiciário homenageia patrono ‘desembargador Alberto Marino Júnior’

A comemoração, realizada nesta sexta-feira (4), contou com a presença do filho do homenageado, desembargador Alberto Marino Neto

A comarca de Adamantina homenageou o desembargador Alberto Marino Júnior, personalidade que dá nome ao fórum local, pelo ‘Dia do Patrono’. A cerimônia, presidida pela juíza diretora do fórum Ruth Duarte Menegatti, foi realizada na tarde desta sexta-feira (4), na Biblioteca Municipal.

A comemoração contou com a presença do filho do homenageado, desembargador Alberto Marino Neto, que assistiu apresentações musicais do Projeto Guri, foi declarado Hóspede Oficial do Município e recebeu moção de Congratulações e Aplausos da Câmara Municipal.

“O intuito é resgatar a imagem, a parte histórica do Tribunal de Justiça, que, nesta busca pelos desembargadores falecidos, quer homenageá-los. Cada Comarca recebeu um homenageado e, para nossa honra foi o desembargador Alberto Marino Júnior. Formado na USP, teve uma trajetória exemplar como juiz, professor e músico, que nesta oportunidade teve sua história reconstruída por uma música interpretada pelos integrantes do Projeto Guri. Seu filho, também desembargador, recebeu homenagens dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo”, destaca doutora Ruth.

Além do desembargador Alberto Marino Neto e da juíza Ruth Duarte Menegatti; estiveram presentes na cerimônia o juiz da 1º Vara Judicial Fabio Alexandre Marinelli Sola; juiz da 2ª Vara Judicial, Carlos Gustavo Urquiza Scarazzato; diretor do Fórum de Lucélia, juiz Fábio Renato Mazzo Reis; promotores Viviane Zaniboni Leopoldo Júnior, João Carlos Talarico e Rodrigo de Andrade Fígaro Caldeira; presidente da Câmara, Maria de Lourdes Santos Gil; comandante do CPI-8 (Comando do Policiamento do Interior), coronel PM Francisco Batista Leopoldo Júnior; comandante do 25º Batalhão de Polícia Militar, coronel Enzo Bertão; comandante da 2ª companhia do25º BPMI, capitão Julio Marcelo Romagnoli dos Santos; delegado seccional Domingos Lazaretti Neto; presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Hélio Vieira Malheiros Júnior; chefe de instrução do Tiro de Guerra local, 1º sargento do Exercito Paulo Renato Mena Rodrigues; os padres Marcelo Antônio dos Santos e Rui Rodrigues; além do Corpo de Bombeiros, delegados e o prefeito eleito, Márcio Cardim. O prefeito João Eduardo Barbosa Pacheco foi representado pela secretária jurídica, Claudia Bitencurte Campos.