Ao lado do pároco da Santo Antônio Rui Rodrigues, padre Quinzinho celebra primeira missa na nova pró-paróquia de São Francisco de Assis (Foto: Milton Ura | No Click com o Senhor)

Com aproximadamente 75% da população considerada católica, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), Adamantina possui uma das comunidades mais atuantes religiosamente na Diocese de Marília. E, desde sábado (6), a cidade conta com novo padre, que chega para ampliar o trabalho pastoral nos bairros Jardim Adamantina, Parque Itaipus, Conjunto Primavera, Parque Universitário, Residencial Rio Branco, Estrada 14, Tucuruvi e Lagoa Seca.

O padre Paulo Joaquim de Souza, conhecido como Quinzinho, atuará na nova pró-paróquia de São Francisco de Assis, no Jardim Adamantina. A cidade conta ainda com as paróquias de Santo Antônio e Nossa Senhora de Fátima.

“A pró-paróquia é uma comunidade quase paróquia, que aos poucos vai se estruturando e se organizando até ter a possibilidade de se tornar uma paróquia de fato com personalidade jurídica”, explica padre Quinzinho.

Com 24 anos de sacerdócio, o religioso já atuou nas paróquias de São João do Pau D’Alho, Nova Guataporanga, Tupi Paulista, Álvaro de Carvalho e Garça. “Recebi a notícia de que estaria à frente da nova pró-paróquia com bastante satisfação e alegria pela confiança do bispo diocesano, Dom Luiz Antonio Cipolini, e do padre Rui Rodrigues da Silva [pároco da Santo Antônio] depositada a mim para tal função”, destaca.

Ele explica que inicialmente conhecerá os trabalhos já existentes na comunidade São Francisco para organizá-los em pastorais, animar as lideranças que já existem e dar apoio aos trabalhos que elas desenvolvem, visitar as pessoas doentes e as famílias da comunidade, além de atender e orientar as pessoas que procuram pelos serviços do padre. “A impressão inicial que tenho é bastante positiva, porque encontrei pessoas que já estão há bastante tempo trabalhando na comunidade, comprometidos com a mesma e bem animados  com a minha chegada”, pontua.

Padre Quinzinho celebrou a primeira missa no último sábado, marcando o início do trabalho pastoral da comunidade São Francisco. As missas na nova pró-paróquia serão aos sábados, às 19h30, e aos domingos, às 9h. “Agradeço a população católica de Adamantina pela generosa e carinhosa acolhida a minha pessoa. E me coloco a disposição de todos com os meus humildes serviços”, finaliza.