Polícia Rodoviária prende homem foragido, em Parapuã, após agredir mulher em Chapecó (SC). (Foto: Cedida | Polícia Rodoviária)

Um homem, de 29 anos, foi preso em um ônibus rodoviário durante fiscalização na SP-425 (rodovia Assis Chateaubriand), em Parapuã. O passageiro é o principal suspeito de agredir a esposa, no sábado (21), em Chapecó (SC), com golpes de facão. Ela teve parte do braço amputado após as agressões.

A Polícia Rodoviária de Adamantina informou que o ônibus seguia Santa Maria (RS) a Barreiras (BA), quando foi parado na altura do km 378, da SP-425, para fiscalização de combate a ilícitos penais.

Durante o trabalho dos policiais no interior do ônibus, um passageiro homem, sentado na poltrona 42, demonstrou excesso de nervosismo e respostas desconexas a respeito de sua viagem.

Os policiais rodoviários abordaram o homem, que confessou que tinha como origem a cidade de Chapecó (SC) e destino Brasília (DF), fugindo da Justiça em razão de ter atentado contra a vida de sua esposa. A vítima foi atingida na cabeça e nos braços. Após a tentativa de homicídio, ele fugiu.

A Polícia Rodoviária informou ainda que o homem foi identificado pelas iniciais R.S.M., tendo como profissão declarada auxiliar de limpeza.

Como desdobramento, a Polícia Rodoviária apresentou o foragido ao plantão da Delegacia da Polícia Civil de Parapuã, para as medidas cabíveis, onde permaneceu detido, à disposição da Justiça, e posteriormente encaminhado à cadeia de Lutécia.

O caso, em Chapecó, continua sob investigação e foi registrado como violência doméstica e lesões corporais graves.