Mostra reúne 17 imagens registradas pelas lentes dos alunos da primeira turma de fotografia da escola profissionalizante Cenaic (Foto: João Vinícius | Grupo IMPACTO)

A exposição ‘Luz e Movimento’ está em cartaz na Biblioteca Municipal de Adamantina. As imagens, que retratam um dos ícones da cidade, a Banda Marcial, reproduzem o espírito característico do grupo musical que completou 25 anos em 2017: tradição aliada com inovação.

A mostra reúne 17 imagens registradas pelas lentes dos alunos da primeira turma de fotografia da escola profissionalizante Cenaic. Inspirados no trabalho de Gjon Mili (1904/1984), fotógrafo especialista nas técnicas strobist e light painting, a exposição usa a iluminação como recurso criativo para retratar a performance dos musicistas e do corpo coreográfico da Banda Marcial de Adamantina.

“Gjon Mili foi o primeiro a fazer uso de flashes eletrônicos e luz estroboscópicas para dança, esportes e teatro. Assim sendo, Mili também fazia muito uso das múltiplasexposições, o que terminou tornando-se a mais evidente marca deste fotógrafo albanês. Nesta exposição, os alunos utilizam as técnicas desenvolvidas por Mili, capturando diversos movimentos em uma única foto, sem manipulação”, explica o professor de fotografia, Gustavo Castellon.

Maila Alves, também professora de fotografia do Cenaic, destaca que fotografar o movimento de uma forma viva e única foi objetivo deste trabalho. “Na fotografia é possível usar a luz para criar efeitos e sensações. Com isso, os alunos utilizaram a iluminação para passarem a mensagem que gostariam, tornando uma exposição única, que retrata um ícone cultural de Adamantina”, destaca Maila.

As fotografias estão em exposição na Biblioteca Municipal ‘Cônego João Baptista de Aquino’, que fica na avenida Adhemar de Barros, 200, em Adamantina.

Mostra reúne 17 imagens registradas pelas lentes dos alunos da primeira turma de fotografia da escola profissionalizante Cenaic (Foto: João Vinícius | Grupo IMPACTO)
Mostra reúne 17 imagens registradas pelas lentes dos alunos da primeira turma de fotografia da escola profissionalizante Cenaic (Foto: João Vinícius | Grupo IMPACTO)