Um homem, de 35 anos, agredido pelo sobrinho a pauladas na última semana no Jardim Brasil, em Adamantina, morreu nesta quarta-feira (11), em Marília, onde estava hospitalizado. Ele foi enterrado na manhã desta quinta-feira (12), no Cemitério Municipal.

Segundo a Polícia Militar, um homem, que não teve a idade divulgada, foi preso logo após o crime.

O crime

Os policiais foram acionados na madrugada do dia 4 de abril para atender uma ocorrência, onde uma pessoa estaria caída no chão. No local, foi encontrado um homem caído na sarjeta, com ferimentos na cabeça e ao lado de uma poça de sangue.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, socorreu a vítima e a levou para o Pronto-socorro, onde a mesma foi medicada e encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva.

Os policiais receberam informações sobre o possível suspeito do crime e se deslocaram até sua residência. Ele estava no imóvel e confessou que agrediu seu tio com um caibro de madeira com golpes na cabeça e na altura do tórax, devido a não suportar mais vê-lo ameaçar seu pai e tentar agredi-lo, como já havia feito com sua mãe e a irmã em data anterior.

O agressor entregou aos militares o pedaço de madeira usado no crime. Ele foi preso e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil, onde permaneceu à disposição da Justiça, ainda conforme a corporação.