Gilmar Bosso é o novo secretário de Arrecadação e Fiscalização Tributária (Foto: Divulgação | Prefeitura)

Nesta semana, o prefeito de Adamantina, Márcio Cardim, oficializou a nomeação de Gilmar Bosso como secretário da recém-criada Secretaria de Arrecadação e Fiscalização Tributária.
A criação dessa nova pasta foi motivada por uma Ação de Inconstitucionalidade, que tramita no Tribunal de Justiça.

Em novembro do ano passado, a Prefeitura de Adamantina já havia anunciado a criação de 14 funções gratificadas para atender a demanda atualmente existente, além da Secretaria de Arrecadação e Fiscalização Tributária que vai que contemplar os Departamentos de Tributos, Dívida Ativa e Fiscalização, com o intuito de fomentar a fiscalização e arrecadação municipal. Com isso, a Prefeitura de Adamantina passa a contar com 13 secretarias oficiais.

Segundo a administração municipal: “Estas funções gratificadas serão exercidas, exclusivamente, por servidores públicos municipais ocupantes de cargos de provimento efetivo”.

As mudanças na estrutura administrativa da Prefeitura de Adamantina atingiram também a Secretaria Municipal de Cultura, onde a então diretora de Cultura, Claudia Cristina Grespi Corradi, passa a ocupar o cargo de secretária de Cultura e Turismo. Já Valter Negrini, maestro da Banda Marcial, passa a ocupar o cargo de diretor de Cultura.