Cai a quantidade de crianças na fila de espera por vaga em creches de Adamantina (Foto: Ilustrativa)

Uma nova realidade. É como define o secretário municipal de Educação, Osvaldo José, sobre a situação da fila de espera de crianças por vagas em creches de Adamantina. Em janeiro, conforme noticiou o IMPACTO, havia 143 crianças aguardando uma oportunidade em uma das oito unidades da Prefeitura. Hoje, a quantidade caiu para 60 crianças com até três anos de idade – diminuição de 58% da fila.

O secretário explica que desde o início do ano é realizado um trabalho de reestruturação das unidades e que nenhum funcionário tira mais férias durante o ano letivo, o que fez aumentar as vagas disponíveis. “Antigamente, os servidores municipais tiravam férias em meses de atendimento das crianças. Havia unidade com dois, três, até quatro funcionários em férias ao mesmo tempo. Isso dificultava o atendimento, fazendo com que diminuísse as vagas disponíveis. Agora, eles tiram férias – que é de direito – nos meses de recesso das crianças, julho, dezembro e janeiro”, informa Osvaldo José.

Atualmente, são 655 crianças atendidas pelo Município, número também superior ao do ano passado – 576. Para 2.018, a expectativa do secretário é atender um número maior de crianças. “Muitas destas 60 crianças que estão na fila ainda não possuem idade suficiente para ingressar na rede. Ou seja, a quantidade é ainda menor, e devemos diminuir no próximo ano, já que apenas numa unidade não há vagas neste momento”.

O secretário de Educação disse ainda que até o dia 29 de janeiro de 2.018, data em que as unidades retomam o atendimento, haverá nova reestruturação para atender o máximo de crianças possível. “Faremos todo o planejamento necessário para atender um número maior de crianças, de forma adequada e com equipe completa nas creches”, informa.