Idealizados do grupo de voluntários ‘Sorria, Amor e Vida’ em Adamantina (Foto: Arquivo Pessoal)

Um grupo composto por voluntários que tem objetivo de levar alegria para enfermos e idosos começa a ser formado em Adamantina. Criado na cidade mineira de Monte Carmelo, e presente em quatro municípios, o ‘Sorria, Amor e Vida’ já tem mais de 700 colaboradores, que desempenham um trabalho em que não é necessário diploma algum e no lugar de qualquer tipo de remuneração, recebem sorrisos, pagos na hora.

Essa disposição, alegria e vontade de fazer o bem motivaram quatro estudantes de Medicina, da UniFAI (Centro Universitário de Adamantina), em formar o grupo na cidade e, assim, transformar o ambiente onde todas as pessoas doentes estão.

“O ‘Sorria, Amor e Vida’ é destinado ao voluntariado para a promoção de tudo que é bom e que seja do bem em nossa comunidade. São pessoas que se preocupam com o bem estar do próximo, com a intenção de levar amor e solidariedade aos que necessitam de um conforto, que, de alguma forma, estão ligados pela ação de cooperação mútua”, destaca a estudante Raíssa Rodrigues, integrante do grupo em Monte Carmelo (MG) e idealizadora do projeto em Adamantina.

Esses palhaços, no melhor sentido da palavra, brincam de ser médico dentro das instituições por onde passam, levando alegria e motivação de viver.

Grupo ‘Sorria, Amor e Vida’ já possui mais de 700 integrantes em quatro cidades (Foto: Arquivo Pessoal)

“Nossas atividades não possuem fins lucrativos. Nosso trabalho se baseia no voluntariado, levando solidariedade às pessoas enfermas, que estão em leitos de hospitais ou em creches e escolas com muita alegria. Também participamos da realidade de Casas de Repouso com muito carinho ou em eventos que promovam o bem. Nosso trabalho está no contato corpo a corpo, ouvindo, brincando, contando histórias, enfim, tudo aquilo que proporciona alento para essas pessoas, estimulando o sentimento de força, coragem, vigor e felicidade”, explica o estudante Caio Janeiro.

O grupo, sem ligação com qualquer tipo de instituição ou crença, está aberto para todas as pessoas que sintam o desejo de contribuir com o próximo. Um encontro em 6 de outubro, das 13h às 17h, no auditório Miguel Reale – Campus II da UniFAI, será realizado para formação dos novos integrantes. O conteúdo será repassado pelo fundador do grupo em Minas Gerais, Lucas Santos.

“Não temos fins lucrativos, nem mensalidades, nem obrigatoriedade de pagamentos e muito menos interesses econômicos. Mas, sim, responsabilidade. Temos vários projetos para serem lançados, porém o primeiro passo é preparar bem nossa base para crescermos aos poucos na cidade e região, de forma forte, sólida e com amor e felicidade”, diz Raíssa.

Quem participar da formação se tornará um “palhacinho” oficial do grupo, com certificado, podendo ir a todas as visitas do ‘Sorria, Amor e Vida’, inclusive em hospitais. “Você experimentará o desejo de ser muito útil em sociedade, compartilhando momentos inexplicáveis, inesquecíveis e, o principal, ajudará muita gente”.

Os interessados em participar podem entrar em contato com: Raíssa Rodrigues (34) 9.9126-5796, Caio Janeiro (44) 9.9932-9934, Isabela Travizi (18) 9.9705-9050 ou Maria Eduarda (64) 9.8160-4939.