Adamantina fechou mais um mês com saldo na geração de emprego. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (20), do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), a cidade abriu 16 novas vagas no mês passado, o que gera resultado positivo de 763 empregos no ano.

De janeiro até novembro, os setores agropecuário e de serviço foram o que mais contrataram, ressaltando os potenciais da cidade.

Na microrregião de Adamantina, das sete cidades com mais de 10 mil habitantes apenas Lucélia demitiu mais que contratou no último mês. Foram fechados 592 postos de trabalho na cidade, contribuindo para o índice negativo no ano.

Já Flórida Paulista (66 empregos abertos), Osvaldo Cruz (19), Parapuã (17), Pacaembu (6) e Rinópolis (2) tiveram resultados favoráveis em novembro.

País

O emprego formal no Brasil manteve a tendência de crescimento em novembro de 2018, registrando saldo de +58.664 postos de trabalho, equivalente à variação de +0,15% em relação ao mês anterior. Esse resultado decorreu de 1.189.414 admissões e de 1.130.750 desligamentos. Foi o melhor saldo do mês de novembro desde 2010, apontou o Ministério do Trabalho.