Do amador ao profissional: as histórias do futebol de Adamantina relembradas em livro que será lançado no dia 28

Em 184 páginas, e com 332 fotos, o livro ‘Reviver Futebol Adamantina’ traz as histórias e personagens do principal esporte coletivo nacional

Guarani Futebol Clube em 1.968: Maurício de Tupã (in memorian), Bassan, Vicente (recém chegado da Prudentina/in memorian), Jacó, Vanderlei, Flávio Oliveira (in memorian), Téo, Luiz Carlos Bombeiro de Dracena, Osvaldinho, Zé Roberto e Ademir (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)
João Carlos Rodrigues lança o livro ‘Reviver Futebol Adamantinense’ no próximo dia 28
João Carlos Rodrigues lança o livro ‘Reviver Futebol Adamantinense’ no próximo dia 28

O brasileiro tem uma forte ligação entre a vida e o esporte, mais especificamente com o futebol. É uma relação de amor e ódio. E essa paixão motivou o adamantinense João Carlos Rodrigues contar e relembrar as histórias que marcaram o futebol adamantinense desde a década de 1.940.

“Sempre gostei muito de futebol. E, ouvia as histórias de uma época em que Adamantina teve grandes times, com disputas acirradas, mas não pude conviver. Por isso, quis homenagear e recordar os fatos marcantes do futebol adamantinense, que estavam registrados apenas em acervos pessoais, restritos a algumas pessoas”, diz Rodrigues.

Em 184 páginas, e com 332 fotos, o livro ‘Reviver Futebol Adamantina’ traz as histórias e personagens do principal esporte coletivo nacional. “Fui atrás dos jogadores daquela época, que disponibilizaram seus álbuns e suas fotografias para publicação. Foi um grupo de 12 ex-jogadores que colaboraram a contar a história do futebol de Adamantina, em mais de 300 fotos”.

Associação Atlética Adamantina em 1.950: Mario Valente, Luizinho, Waldemar Romanini, Luis Borracha, Farrista, Mickei, Juvêncio, José Bechara, Caetano, Biguá, Carola, Dito Melo, Téquinha e Kelé (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)
Associação Atlética Adamantina em 1.950: Mario Valente, Luizinho, Waldemar Romanini, Luis Borracha, Farrista, Mickei, Juvêncio, José Bechara, Caetano, Biguá, Carola, Dito Melo, Téquinha e Kelé (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)

Essas imagens, coletadas entre 2.013 a 2.017, relembram os times profissionais, como Associação Atlética Adamantina, Guarani Futebol Clube, Sociedade Esportiva Palmeiras, Adamantina Futebol Clube e Clube Atlético Internacional, mas também os amadores que marcaram o esporte no município. “Foram quatro anos de intensa pesquisa até chegar neste acervo rico. Tenho muito que agradecer a colaboração destes ex-jogadores, que ficarão registrados na história de Adamantina, como, também, as rivalidades, as disputas, a paixão pelo futebol”. As fotos estarão identificadas com o nome do time, ano e os nomes dos jogadores.

Adamantina F.C. em 1.955: Chiquinho, Tino Regiani (in memorian), Chiquinho Ferramenta (in memorian), Eurides, Bortoletto, Spada (in memorian), Luizinho (in memorian), Valdemar Romanini (in memorian), Periquito (in memorian), Baianinho, Maurício, Pavão e Armandinho (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)
Adamantina F.C. em 1.955: Chiquinho, Tino Regiani (in memorian), Chiquinho Ferramenta (in memorian), Eurides, Bortoletto, Spada (in memorian), Luizinho (in memorian), Valdemar Romanini (in memorian), Periquito (in memorian), Baianinho, Maurício, Pavão e Armandinho (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)

O livro ‘Reviver Futebol Adamantinense’, que será lançado no dia 28 de junho, no Anfiteatro da Biblioteca Municipal, fará ainda uma homenagem aos ex-jogadores adamantinenses. “Estes ex-atletas, que ainda residem em Adamantina, receberão uma homenagem especial no lançamento do livro. É uma forma de agradecer pela dedicação ao esporte e contribuição ao acervo do ‘Reviver’. Estou muito feliz em poder presentear Adamantina, no mês de seu aniversário, com esta publicação sobre uma fase que muitos gostariam que voltasse”, finaliza João Carlos Rodrigues.

Sociedade Esportiva Palmeiras em 1.953: Herculano, Onofre, Tiãozinho, Diabo Loiro (in memorian), Alcides Romanini (in memorian), Baiano, Julião, Fim (in memorian), Raul Simonceli (in memorian), Wilson Albanez e Darwin (in memorian) (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)
Sociedade Esportiva Palmeiras em 1.953: Herculano, Onofre, Tiãozinho, Diabo Loiro (in memorian), Alcides Romanini (in memorian), Baiano, Julião, Fim (in memorian), Raul Simonceli (in memorian), Wilson Albanez e Darwin (in memorian) (Foto: Acervo/Livro Reviver Futebol Adamantinense)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here