Congresso técnico do 22º Jogos Regionais do Idoso foi realizado na Biblioteca Municipal de Adamantina (Foto: João Vinícius | Grupo IMPACTO)

Adamantina realizou na tarde desta segunda-feira (29), o congresso técnico do 22º JORI (Jogos Regionais do Idoso) da 7ª região esportiva do estado de São Paulo. É a segunda vez que a cidade receberá a competição, que acontece de 6 a 11 de fevereiro. Participaram do encontro representantes do Comitê Organizador, da Prefeitura, da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Estado, do Fundo Social de Solidariedade do Estado, além dos dirigentes das delegações dos municípios.

O congresso técnico é um encontro que serve para confirmar as modalidades que cada cidade participará e também para definir as chaves, programação oficial e datas e horários das competições que serão realizadas nas praças esportivas, as quais estão distribuídas da seguinte maneira: Atletismo (Acrea/Campus IV da UniFAI), Buraco (ATC – Adamantina Tênis Clube), Bocha (Jardim das Alamandas), Coreografia (ginásio de esportes Paulo Camargo), Damas (ATC), Dança de Salão (ATC), Dominó (Centro Comunitário Dirço Latini – Vila Jardim), Malha (Jardim das Alamandas), Natação (Campus III da UniFAI), Tênis (ATC), Truco (ATC), Voleibol (Paulo Camargo, Campus III da UniFAI e Centro Esportivo Carlos Santana Bueno – quadra da escola Navarro) e Xadrez (ATC).

A abertura oficial dos JORI 2018 será no dia 7 de fevereiro, às 13h, no ginásio de esportes Paulo Camargo e contará com a presença da primeira-dama do Estado de São Paulo e presidente do Fundo Social de Solidariedade Lu Alckmin. Na sequência acontece a primeira competição oficial do evento com as disputas da modalidade de coreografia.

Expectativa

Adamantina sediou pela primeira vez em 2006 os Jogos Regionais dos Idosos. Devido o sucesso daquela edição, a expectativa é grande por parte do comitê organizador e dos atletas. “Quando se falou que o JORI seria em Adamantina foi de uma alegria muito grande para os municípios, pois muitos lembram como foi em 2006. Eles têm uma expectativa boa para Adamantina, principalmente em relação à recepção. A gente montou uma comissão muito forte, respeitada, formada por todos os secretários, para que quando chegue o dia a cidade esteja preparada”, diz Terezinha Fredi, presidente do Fundo Social de Solidariedade local.

Além de sediar a competição, a expectativa também é dos aproximadamente 70 atletas locais que disputarão em casa o JORI. “Adamantina deve se inscrever nas 14 modalidades. Temos certa tradição nos Jogos, ficamos em 10º lugar na última edição em Marília. Jogando em casa e com a torcida a nosso favor, a expectativa é melhorar este resultado”.

Nas últimas semanas, as secretarias municipais – comandadas pelo Fundo Social de Solidariedade – realizam adequações nos locais de sede das provas. Segundo Terezinha, estão sendo investidos cerca de R$ 200 mil nas melhorias e compra de equipamentos oficiais de competição. Deste valor, R$ 100 mil é direcionado pelo Fundo Social do Estado, que também está responsável pela alimentação dos atletas. “Estão sendo montadas sete cozinhas industriais que ficarão responsáveis pelas refeições dos competidores. Eles estarão alojados em 11 escolas, municipais e estaduais”, explica.

Os alojamentos ficam nas escolas estaduais Fleurides Cavallini Menechino, Durvalino Grion e Helen Keller; nas unidades municipais de ensino fundamental: Teruyo Kikuta, Navarro de Andrade e Eurico Leite de Moraes; nas Emeis (Escola Municipal de Ensino Infantil): Eulália Paschoal Brighenti, Eunice Maris e Domingos Latine; Campus II da UniFAI; e no Projeto ASA.

Autoridades

Entre as autoridades participantes do congresso técnico estão a vice-prefeita de Adamantina, Ana Maria Romanini Micheloni (representando o prefeito Márcio Cardim); o diretor técnico da Diretoria Regional de Esporte e Lazer da Região de Presidente Prudente Edvaldo José de Oliveira Júnior (representando o secretário estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Paulo Gustavo Maiurino); primeira-dama de Adamantina Marisa Cardim; presidente do Fundo Social de Solidariedade local Teresinha Aparecida Fredi; vice-presidente da Câmara, vereador Aguinaldo Galvão; técnica do Fundo Social de Solidariedade do Estado, Márcia Regina Bertoz; chefe do comitê dirigente do 22º Jogos Regionais do Idoso, Ivone Lauton; secretário de Esportes Ronaldo Dutra ‘Tuiuiú’; assistente de chefia do 22º Jogos Regionais, Nanci Aparecida Rodrigues Assis Tonelli; e chefe da Inspetoria Regional de Esportes e Lazer de Adamantina, Neideval Veri.